segunda-feira, 2 de novembro de 2015

A nuvem do não saber - A oração dos pobres

Excerto do livro - A NUVEM DO NÃO SABER - "A ORAÇÃO DOS POBRES".

Página 32.

Eleve seu coração para Deus com um humilde impulso de amor; e tome Ele como seu objetivo e não como qualquer um de seus bens. Tenha cuidado: evite pensar em outra coisa que não seja Nele mesmo, de maneira que não haja coisa alguma em que a sua razão ou a a sua vontade trabalhe, exceto Ele mesmo. Faça tudo o que estiver a seu alcance para esquecer todas as criaturas que Deus já criou, para que, nem o seu pensamento, nem o seu desejo, em geral ou em particular, sejam dirigidos ou estendidos a qualquer uma delas. Deixe-as em paz e não preste atenção nelas. Esta é a obra (ação) que mais agrada a Deus (1º mandamento). Todos os Anjos e Santos sentem alegria com este exercício, e estão desejosos em ajudar com todo o seu poder para que prossiga. Quando você se encarrega deste exercício, todos os demônios ficam furiosos e se propõem, na medida do possível a destruí-lo. Nós não podemos imaginar o quanto é maravilhoso o modo como todas as pessoas que habitam a terra são ajudadas por este exercício. Sim, e as almas do purgatório são aliviadas do peso de suas penas e também você é purificado e se torna virtuoso e isto tudo, e muito mais, por esta obra do que por outra qualquer.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Padre Francesco Bemonte

Padre Francesco Bemonte - Presidente da Associação Internacional de Exorcistas. São Pio de Pietrelcina, como também o beato carmelita e...