sábado, 21 de setembro de 2013

Falso evangelizador.

É falso evangelizador quem procura fama, dinheiro, confusão para os outros e tem escasso interesse pela FÉ. O verdadeiro evangelizador sabe bastar-se a si mesmo, vive a verdade, procura o bem dos outros, está todo entregue ao serviço da FÉ, tem um coração pobre, desinteressado, aberto à justiça de DEUS. Com efeito a pobreza é libertação interior, alegria, fraternidade e, em seu vértice, é humildade e total confiança em DEUS. É sempre fruto de uma "NOVA CRIAÇÃO". "O APEGO AO DINHEIRO É A RAIZ DE GRANDES E INÚMEROS MALES". A pobreza, ao contrário, une o evangelizador ao homem que sofre, com o qual quer alcançar uma libertação recíproca. A pobreza contém em si uma dinâmica: liberta de todas as prisões interiores e da necessidade de aprisionar os outros; é ao mesmo tempo luta com o homem pobre e comunhão com ele. É, sobretudo, busca de comunhão com CRISTO ressuscitado, até a total transfiguração.
VIVAT CHRISTUS REX

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Padre Francesco Bemonte

Padre Francesco Bemonte - Presidente da Associação Internacional de Exorcistas. São Pio de Pietrelcina, como também o beato carmelita e...